5 – Common Gatway Interface (CGI)

Além do diretório público (wwwroot ou htdocs) o servidor também reconhece outro diretório, que é o diretório de acesso CGI. Este diretório é configurado pelo administrador do servidor WWW, ficando abaixo do diretório raiz e comumente denominado cgi-bin ou scripts, mas podendo contudo, ser mapeado para qualquer outro diretório. Este diretório armazena os arquivos de programas ou executáveis que deverão rodar no servidor através de comando especificado na URL, por exemplo:

http://www.site.org/cgi-bin/programa.exe

Os CGIs podem ser de vários tipos. Podem ser programas compilados escritos em qualquer linguagem (por exemplo C++ ou Visual Basic) ou scripts escritos em linguagens como o Perl, Cold Fusion, ASP ou IsisScript. Normalmente o programa produzirá uma saida HTML que será devolvida ao cliente como uma página dinâmica.

Dica

Script: Texto com declarações seqüenciais e agrupadas que executam uma determinada tarefa.

Quando estes programas rodam, normalmente deseja-se controlar e especificar alguns parâmetros, por exemplo: “Encontre todos os livros sobre saúde e exiba os resultados no formato detalhado”.

Para isso o usuário informa estes parâmetros em um formulário montado especificamente para este fim em HTML, e os valores são passados através da interface CGI.

Deste modo, as solicitações de um browser a um servidor Web podem são enviadas a um Script, que por sua vez pode recuperar dados de uma base de dados e encaminhá-los ao servidor Web, que por sua vez transfere ao browser as informações, normalmente em formato HTML.

O seguinte diagrama descreve como operam estes mecanismos.

Base de Dados Isis

Resumindo, o browser WWW (cliente) captura os dados através de formulários e os envia ao servidor WWW, que chama a aplicação CGI (script) especificada no atributo ACTION do elemento FORM. A aplicação CGI envia sua saída ao servidor WWW, que a transfere ao browser. Este intercâmbio de dados cliente-servidor geralmente se repete várias vezes, permitindo a interação entre um usuário e uma base de dados. O uso de texto oculto em formulários HTML é uma forma comum de levar dados de um estágio a outro (passagem de parâmetros).

Was this helpful?

0 / 0

Deixe uma resposta 0

Your email address will not be published. Required fields are marked *