Parâmetros que criam/modificam bases de dados

{create | copy | append | merge | updatf}=<out_dbn>
Criação de um arquivo mestre
create=<out_dbn>
O Parâmetro create cria e inicializa incondicionalmente um arquivo mestre com o nome atribuído em <out_dbn>, arquivo mestre no qual serão guardados os registros resultantes do processo.

Dica:
Se existir uma base de dados com o mesmo nome, será apagada e reinicializada sem consultar
previamente o operador, perdendo assim todos os seus dados. Exemplos:
• O seguinte exemplo lê os registros 10 a 20 da base cds e os grava na base cds2 ;

[codesyntax lang="bash" container="pre"]
mx cds from=10 to=20 create=cds2 now -all
[/codesyntax]

• Os registros 1 a 9 da base cds2 aparecem como fisicamente apagados (ou seja, não existem) e os
registros 10 a 20 são os provenientes da base cds. Criar uma base com os registros resultantes de uma busca:

[codesyntax lang="bash" container="pre"]mx cds "plants and water" create=plawat now -all[/codesyntax]

• Utilitário MX
Os registros de saída são gravados com os mesmos MFNs de origem. Criar uma base a partir de um arquivo ISO-2709 (deveria existir o arquivo cds.iso):

[codesyntax lang="bash" container="pre"]mx iso=cds.iso create=cds3 now -all[/codesyntax]

Dica: Tenha-se em conta que nestes exemplos se utiliza o parâmetro now, que faz com que o MX não apresente o prompt (e fica esperando) entre os registros e o parâmetro -all faz com que a informação não saia na tela.

Was this helpful?

0 / 0

Deixe uma resposta 0

Your email address will not be published. Required fields are marked *