MXCP – Apresentação

O comando:

mxcp \cisis\cds\cds create=x clean undelete

Reinicializa o arquivo mestre x (no diretório atual) e copia para o mesmo todos os registros do arquivo mestre cds localizado no diretório \cisis\cds. Nenhum campo de dados no arquivo mestre x terá espaços em branco no começo ou no final do campo, devido ao fato que foi especificada a opção clean. Além disto, cada caráter que não pode ser impresso, que apareça nos campos de entrada, será convertido para um caráter de espaço na saída. Devido ao fato que foi especificada a opção undelete, todos os registros logicamente apagados do arquivo mestre \cisis\cds\cds estarão ativos no arquivo mestre x. MXCP pode converter campos em repetitivos que não são repetitivos, sempre e quando haja um caráter separador dos dados. No exemplo seguinte, MXCP converte em repetitivo o campo com tag 70 contendo o símbolo “;” como delimitador de repetição de campo.

mxcp in create=out repeat=;,70

Suponhamos que, para o exemplo, os registros 1 e 2 da base in tenham no campo
com tag 70:

MFN 1
70 «Magalhaes, A.C.; Franco, C.M.»
MFN 2
70 «Bosian, G.»

Então em out (o arquivo mestre resultante) os registros ficam desta forma:

MFN 1
70 «Magalhaes, A.C.»
70 «Franco, C.M.»
MFN 2
70 «Bosian G.»

Quando se usa o parâmetro repeat, MXCP também realiza seu processo de “limpeza”. Se não for especificada a etiqueta no parâmetro repeat, todos os campos presentes serão incluídos:

mxcp in create=out repeat=%

Pode-se também especificar uma lista de campos:

mxcp in create=out repeat=%,70,99,100,200

Um intervalo:

mxcp in create=out repeat=%,99/105

Uma mistura de ambos:

mxcp in create=out repeat=%,70,99/105,110

Outra característica do MXCP é a de suprimir os sinais de pontuação final. O exemplo seguinte remove o caráter de ponto final do campo 70:

mxcp in create=out period=.,70

Suponhamos que, para o exemplo, os registros 1 e 2 da base in tenham no campo com tag 70:

MFN 1
70 «Magalhaes, A.C.»
70 «Franco, C.M.»
MFN 2
«Bosian G.»
«xxx.»

Então em out (o arquivo mestre resultante) os registros ficam assim:

MFN 1
70 «Magalhaes, A.C»
70 «Franco, C.M»
MFN 2
«Bosian G»
«xxx.»

MXCP também realiza um procedimento de substituição de padrões, permitindo que os conteúdos especificados dos campos de entrada sejam substituídos à medida que são lidos. Digitando exatamente o que é apresentado a seguir (finalizando cada linha com <enter>) é criada uma tabela de conversão para substituir os sinais de maior e menor pelo sinal por cento (%):

mx seq=con create=xtable -all now
<|
>|
><|%
> <|%
> <|%
Paper on: <|
<Ctrl>Z

Então os campos com etiqueta 69 da base cds cujo conteúdo é:

MFN 1
69 «Paper on: <plants><water><plant transpiration>»
MFN 2
69 «Paper on: <plant physiology><plant transpiration><measurement and instruments»

Ao executar:

mxcp cds create=out gizmo=xtable repeat=%,69

Faz com que os registros com etiqueta 69 de cds sejam transformados em out da seguinte maneira:

MFN 1
69 «plants»
122Utilitários CISIS - Manual de Referência
Utilitários do arquivo mestre
69 «water»
69 «plant transpiration»
MFN 2
69 «plant physiology»
69 «plant transpiration»
69 «measurement and instruments»

Was this helpful?

0 / 0

Deixe uma resposta 0

Your email address will not be published. Required fields are marked *