2 Componentes de um Registro MARC

Formato Autoridades

O registro MARC é composto por três elementos: estrutura do registro, indicação de conteúdo e conteúdo dos elementos que compõem o registro.

A estrutura do registro é uma implementação dos padrões internacionais ANSI Z39.2 e ISO 2709.

As indicações de conteúdo são códigos e convenções estabelecidos para identificar e caracterizar os dados dentro do registro e permitir sua manipulação.

Os conteúdos dos dados que compõem um registro MARC geralmente são definidos por padrões externos ao formato, como: International Standard Bibliographic Description (ISBD), Anglo-American Cataloguing Rules (AACR2), Library of Congress Subject Headings (LCSH) ou outros códigos usados pela instituição criadora do registro. O conteúdo de certos elementos de dados codificados é definido para cada formato MARC (por exemplo, o Líder e o campo 008).

Um registro MARC 21 consiste de três componentes principais: o Líder, o Diretório, e os Campos Variáveis.

Líder: É o primeiro campo do registro. Contém números ou valores que possibilitam o processamento do registro. O líder compreende as 24 primeiras posições de um registro, iniciando a contagem a partir de zero. Cada posição tem um significado.

Diretório: Uma série de entradas que contém a posição inicial e o tamanho de cada etiqueta dentro do registro. Cada notação possui a extensão de 12 caracteres contendo o campo (identificação do campo), posição inicial e o tamanho de cada campo variável dentro do registro. No Diretório as notações para campos de controle variável aparecem primeiro, a seguir as etiquetas em ordem crescente. Após são inseridos os campos de dados variáveis, organizados em ordem crescente de acordo com o primeiro caractere da etiqueta. O diretório termina com um caractere finalizador em ANSI. O Diretório vem em seguida ao Líder e está localizado na posição 24 do registro, sendo gerado automaticamente.

Campos variáveis: Os dados estão organizados em campos variáveis, cada um identificado por uma etiqueta de 3 caracteres numéricos, que estão registrados na entrada do diretório, referente a cada campo. Cada campo termina com um caractere finalizador 

de campo. O registro MARC termina com um caractere finalizador de registro (ASCII hex 1D).

Existem dois tipos de campos variáveis: campos de controle variável (Campos fixos) e campos de dados variáveis (Campos variáveis).

Campos de controle variável (Campos Fixos): São os campos 00X, identificados por uma etiqueta no diretório. Não contém posição para indicador nem para código de subcampo. Os campos fixos são estruturalmente diferentes dos campos variáveis, eles podem conter um único dado ou uma série de dados de tamanho fixo identificados pela posição relativa. Campo utilizado para identificar e recuperar registros que satisfaçam critérios específicos.

Campos de dados variáveis (Campos variáveis): São os demais campos variáveis definidos no formato. Estes campos variam de (01X) até (8XX) e podem ser repetitivos (R) ou não repetitivos (NR). Os campos de dados variáveis possuem duas posições para indicadores localizadas no começo de cada campo e dois caracteres para código de subcampo (subdivisão do campo), precedendo cada dado dentro do campo.

Indicador: As duas primeiras posições, no início de cada campo de dados variáveis, que interpretam ou complementam os dados contidos no campo. Os valores dos indicadores são interpretados independentemente, isto é, o seu significado não é estabelecido pelo conjunto dos indicadores. O valor dos indicadores pode ser uma letra minúscula ou um caractere numérico. O espaço em branco (ASCII hex 20), representado como #, é usado em uma posição de indicador indefinido. Numa posição de indicador definida, o espaço em branco pode ter um significado ou pode significar “não há informação”.

Subcampos: Dois caracteres que diferenciam os dados dentro do campo, os quais requerem tratamento separado. O código de subcampo consiste de um delimitador (hex 1F), representado como $ seguido de um identificador de subcampo. Os subcampos são definidos separadamente para cada campo, embora significados paralelos sejam possíveis. Os códigos de subcampo são definidos com propósitos de identificação, não de arranjo. A ordem dos 

subcampos é geralmente especificada por padrões para o conteúdo dos dados como as regras de catalogação.

Campos e subcampos repetitivos

Teoricamente todos os campos e subcampos podem ser repetidos. A natureza dos dados, no entanto, muitas vezes, se opõe a uma repetição. Por exemplo, um registro de autoridade pode conter apenas um campo 1XX ; um campo 100 pode conter apenas um subcampo $a ( nome pessoal ), mas pode conter mais do que um subcampo $c (títulos e outras palavras associadas com um nome ). A repetição ou não de cada campo e subcampo é definida no formato e representada por (R) e (NR).

Caractere cheio e valores relacionados

Um caractere cheio (ASCII 7C hex), representado por uma barra vertical ( | ), pode ser utilizado em um registro quando o formato especifica um código a ser usado e o criador do registro decide não fornecer o código. Um caractere cheio não deve ser utilizado em nenhuma posição do Líder, etiquetas, indicadores ou códigos de subcampos. O uso do caractere cheio em registros participantes de uma base de dados nacional depende dos requisitos especificados a nível nacional para cada dado no registro.

Código u ( desconhecido ou não especificado ) indica que o criador do registro tentou usar um código , mas não foi capaz de determinar o código apropriado.
Código n ( não aplicável ) é utilizado para indicar que as características definidas para a posição não se aplicam ao tipo específico do documento ou registro. 

Constantes de exibição

Uma constante de exibição é um termo, frase, espaçamento ou pontuação convencionados que podem ser gerados pelo sistema a fim de fornecer uma apresentação visual do dado tornando-o mais significativo para o usuário. O texto exibido não é carregado dentro do registro, mas uma indicação para isso é feita baseada na etiqueta, indicadores, códigos de subcampos ou valores codificados. A utilização de constantes de exibição é determinada por cada organização ou sistema .

Responsabilidade conteúdo registro

Em geral, a responsabilidade pelo conteúdo, indicação de conteúdo e transcrição dos dados dentro de um registro MARC pode ser determinada pelo exame do campo indicado para responsabilidade.

Nos registros não modificados, a organização identificada como a fonte da catalogação original nos campos 008/39 e / ou 040 $a é responsável pelo conteúdo do registro. As organizações identificadas como responsáveis pela transcrição do registro no campo 040 $c são coletivamente responsáveis pela indicação de conteúdo e transcrição dos dados .

Nos registros modificados, as organizações identificadas no campo 040 $a e $d (Agência Modificadora) são coletivamente responsáveis pelo conteúdo do registro. As organizações identificadas no campo 040 $c e $d são coletivamente responsáveis pela indicação de conteúdo e transcrição dos dados
Outros campos são definidos no formato destinado a uma instituição, por exemplo o campo 010 Número de Controle da Library of Congress. O conteúdo desses campos é sempre responsabilidade da instituição. A indicação de conteúdo e transcrição dos dados pode ser de responsabilidade de outra organização identificada no campo 040$c.

Convenções Tipográficas

0 representa o dígito zero. Não confundir com a letra “O” maiúscula.

# – é usado para espaço em branco em campos codificados e em outras situações especiais, onde a existência do espaço em branco poderia ser ambígua.

$ – indicador de subcampo – utilizado como delimitador de código de subcampo.

/ (barra diagonal) – posições específicas de caracteres do Líder, Diretório, campo 007 e 008, subcampo $7 dos campos de entradas de ligação são expressas utilizando-se uma barra e o número da posição do caractere. Exemplo: Líder/06, 007/00, 008/12.

1 o símbolo gráfico 1 representa o número 1. Não confundir com a letra i “I” maiúscula e a letra L “l” minúscula.

| (barra vertical) – representa um caractere cheio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *